24
set

A internet nunca para. Todos os dias websites abrem, outros fecham, alguns s√£o atacados, conte√ļdo √© removido ou movido e depois de algum tempo acabamos por estar a linkar para sites ou p√°ginas que j√° n√£o existem. Isto √© mau a n√≠vel de SEO e mais importante, √© p√©ssimo para os usu√°rios.

A solução para este problema é bem simples: verificar todos os links, internos e externos, regularmente. Neste artigo vamos falar de algumas ferramentas para detetar e reparar links quebrados nos seus sites.

Links Quebrados

1. Procurar Links Quebrados

Se está a procura de links offline, comece por fazer uma verificação automática em todas as páginas do seu site. Sugerimos as seguintes ferramentas:

WordPress: Broken Link Checker Plugin

Broken Link Checker

Este plugin para WordPress verifica todos os links em todas as p√°ginas do seu website. √Č capaz de detetar links quebrados (404), redirecionamentos, imagens offline, etc.

Funciona de forma simples: você instala, ativa, vai a página do plugin no painel de administração do WordPress e procura por links quebrados. Depois do plugin testar todos os links (pode demorar algum tempo, dependendo do tamanho do seu site e do alojamento), vai poder ver os links quebrados, testa-los novamente e corrigi-los rapidamente.

O √ļnico problema deste plugin √© que consome muitos recursos. Pode n√£o funcionar bem em alojamentos partilhados. Se tiver problemas, veja as alternativas em baixo.

Windows: Xenu Link Sleuth

Xenu Link Sleuth

Se n√£o usar WordPress ou se n√£o poder usar o plugin anterior, pode usar o Xenu, um programa para Windows que verifica os links que encontra nas p√°ginas de um determinado site. Como o teste √© feito a partir do seu computador, a velocidade da sua liga√ß√£o a internet e o n√ļmero de links que o programa ter√° que verificar v√£o influenciar o tempo que o teste demora.

Mac: Integrity.app

Integrity.app

Se o seu sistema operativo for o OSX, o Integrity é uma boa alternativa a sugestão que fizemos para Windows.

Continue lendo no site WPTotal 

 

Share Button
0 No comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *